Trilhas de Conhecimentos - O Ensino Superior de Indígenas no Brasil

Projeto
Público Alvo
Expediente

Artigos
Dissertações e Teses
Referências Bibliográficas
Livros

Entrevistas

Núcleo Roraima
Núcleo Mato Grosso do Sul

Galeria Multimídia

Ações Governamentais
Educação Superior Indígena


Links
Newsletter

Fale Conosco
Mapa do Site


 
     




O Projeto Trilhas de Conhecimentos

O Projeto Trilhas de Conhecimentos - o ensino superior de indígenas no Brasil, teve início em fevereiro de 2004, por meio de uma doação da Fundação Ford através da Pathways to Higher Education Inititative. O trabalho visa dar suporte ao etnodesenvolvimento dos povos indígenas no Brasil, através de sua formação no ensino superior. Para tal O Laboratório de Pesquisas em Etnicidade, Cultura e Desenvolvimento (LACED) investiu em apoiar/financiar núcleos universitários que promovessem iniciativas voltadas para a educação superior de indígenas.


Três anos de ações na primeira fase do projeto resultaram na criação de dois núcleos em universidades no Brasil, um no Mato Grosso do Sul e outro em Roraima. No Mato Grosso do Sul o Trilhas aprovou o financiamento do Programa Rede de Saberes, executado conjuntamente pela Universidade Católica Dom Bosco – UCDB e a Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul – UEMS. Já em Roraima, foi aprovado o financiamento do Programa E'ma Pia, elaborado pelo Núcleo Insikiran da Universidade Federal de Roraima – UFRR.


Acreditando que esta iniciativa demanda também um comprometimento das universidades, o Projeto Trilhas de Conhecimentos vem investindo, em sua segunda fase, na promoção de cursos de capacitação de quadros técnicos universitários para lidarem com estudantes indígenas, democratizando o acesso e, sobretudo, garantindo a permanência destes indivíduos em seus cursos.


Com o objetivo de fornecer subsídios à formação dos estudantes indígenas em cursos de nível superior e de incentivar a criação de uma produção bibliográfica que possa dar suporte à formação dos povos indígenas, foram editados em parceria com o MEC/SECAD os livros da série “Vias dos Saberes”.


O Projeto, hoje, já enseja novas metas a serem alcançadas em seu plano de desenvolvimento. São elas:

 

  • Além de contribuir para a melhoria da promoção de políticas institucionais de acesso, permanência e sucesso de indígenas em cursos de universidades públicas e privadas, o projeto propõe capacitar organizações indígenas para pesquisar, monitorar e avaliar a implantação das políticas governamentais e institucionais para o ensino superior de indígenas. Nesse sentido, destaca-se o apoio do projeto ao Centro Indígena de Estudos e Pesquisas – CINEP, criado em 2005 com o objetivo de contribuir com o movimento indígena na qualificação dos quadros e lideranças de suas organizações, capacitando-os para a defesa de seus direitos;

  • Criar um programa de pesquisas para conhecer: a presença indígena nas universidades brasileiras e a implementação de políticas e programas voltados à promoção da presença indígena no ensino superior no Brasil e na América Latina, incluindo os de ação afirmativa.



O projeto Trilhas de Conhecimentos foi encerrado em Outubro de 2009
© 2007 Todos os direitos reservados.Este material não pode serreescrito ou redistribuído sem prévia autorização.